quinta-feira, junho 28, 2012

só mais essa música.



Por favor, meu bem,
me mande só mais essa música 
e nada mais.
não fale mais.
está tarde
e nessas horas 
da madrugada 
a gente vai a lugares tão distantes
que às vezes até penso que nós...
não.

não. 
me mande só mais essa música
e esqueça o resto
esqueça tudo 
esqueça o que passou
esqueci

esqueci 
que eu não podia falar isso pra você.
por favor, meu bem
me deixe. Eu vou fazer você enlouquecer.
Isso é justo?
Me mande só mais essa música
para eu ouvir
e nos ver
e me derreter horas a fio na madrugada que eu já esqueci.
fazer o que?

fazer o que?
Me mande só mais essa música.
Não vamos repetir os mesmos erros.
Agora não é hora
- madrugada fria -
de se gostar.
Eu tenho medo.

Eu tenho medo.
De errar outra vez.
Eu posso fazer você enlouquecer.
Me mande só mais essa música.
Só mais essa música.
Só.


ou mais.

quinta-feira, junho 14, 2012

Eu passarinho.

Eles
gritam alto e violam leis.
Eu
guitarra, baixo e violão.


sábado, junho 09, 2012

O Cole Porter

In the still of the night
E tudo aquilo que tava
ali.
Inside.
Cole Porter
Foi. Nunca mais.
Sempre mais.
Não sei porque, o quanto, mas noites tais
quais essa.
Ai!
"Do you love me
as
I love you?"
Dai, se sim.
the moon
o mundo
o fundo
o findo
o tudo
voltam
pra me fazer algum sentido nessa vida.